Aldeia da luz submersa

aldeia da luz submersa

Como está a situação na aldeia da luz?

A situação, que “não cabe na cabeça de ninguém”, é um dos problemas existentes na pequena freguesia alentejana, cuja grande parte do território foi submersa pelas águas do Alqueva, revelou a presidente da Junta de Freguesia da Luz, Sara Correia.

Onde fica a antiga aldeia da luz?

A antiga Aldeia da Luz onde estas fotos foram tiradas, jaz submersa no Grande Lago Alqueva. As pessoas que ali moravam, foram deslocalizadas para a nova aldeia, construída de raiz numa área com a cota mais alta, onde as águas da barragem não chegam...

Quem paga o IMI da aldeia da luz?

Habitantes da Aldeia da Luz, em Mourão (Évora), ainda hoje pagam Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) dos terrenos que possuíam e ficaram submersos na antiga povoação, 20 anos após o início do enchimento do Alqueva.

Onde fica a Velha Aldeia da luz?

A velha aldeia da Luz localizava-se a cerca de 2 km para oeste da actual. No final do século XX, a Luz era uma aldeia pouco povoada (394 habitantes em 1991 e 373 em 2001) e com características rurais.

Qual a diferença entre a demolição da aldeia da Luz e o realojamento dos moradores de Ribeira?

Entre a demolição da antiga Aldeia da Luz e o realojamento dos moradores de Ribeira de Pena, no Tâmega, existem 18 anos de diferença. Os problemas que ainda hoje os alentejanos enfrentam serviram de exemplo ao autarca do Norte. Ganharam as pessoas afetadas pela barragem ainda em construção.

O que vai acontecer com a conta de luz dos brasileiros?

A mudança vai representar um aumento real de 7% na conta de luz dos brasileiros. Com isso o governo espera arrecadar R$ 13 bilhões, para cobrir os custos com o uso das termelétricas nacionais e da importação de energia da Argentina e Uruguai.

Por que os aumentos da conta de luz pesam no bolso dos brasileiros?

Os sucessivos aumentos da conta de luz pesam no bolso dos brasileiros e estão pressionando a inflação e o custo de vida de modo geral. A Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) anunciou na terça-feira (31) a criação de uma nova bandeira para a conta de luz, chamada de bandeira de escassez hídrica.

Postagens relacionadas: