Clopidogrel para que serve

clopidogrel para que serve

Quanto Custa o clopidogrel?

Seu nome genérico é Bissulfato de Clopidogrel. O modo de uso do Clopidogrel varia de acordo com o problema a tratar, sendo que as orientações gerais incluem: Após infarto do miocárdio ou AVC: tomar 1 comprimido de 75 mg, uma vez ao dia; Angina instável: tomar 1 comprimido de 75 mg, uma vez ao dia, acompanhado de aspirina.

Quais são as informações da bula de clopidogrel?

Para pacientes com IM a dose recomendada de bissulfato de Clopidogrel é de 75 mg em dose única diária, administrada em associação com AAS, com ou sem trombolítico (medicamentos utilizados para reduzir a coagulação sanguínea). Este medicamento deve ser iniciado com ou sem uma dose de ataque.

Quais os riscos da descontinuação do clopidogrel?

Musculoesquelético: dor nas costas; dor nas juntas. Respiratório: dor no peito; infecção das vias aéreas superiores; sintomas como resfriado. Sistema nervoso central: dor de cabeça; tontura; dor. Outros: machucados acidentais.

Qual a dose recomendada de bissulfato de clopidogrel?

Para pacientes com IM com elevação do segmento ST, a dose recomendada de bissulfato de clopidogrel é de 75mg em dose única diária, administrada em associação com AAS, com ou sem trombolítico. O bissulfato de clopidogrel deve ser iniciado com ou sem dose de ataque (300mg foi utilizado no estudo Clarity).

Como é metabolizado o clopidogrel?

É improvável que clopidogrel possa interferir no metabolismo de fármacos como a fenitoína, tolbutamida e AINEs que são metabolizados pelo citocromo P-450 2C9. Dados do estudo CAPRIE indicam que a fenitoína e a tolbutamida podem ser coadministradas com clopidogrel de forma segura.

Qual a diferença entre pantoprazol e clopidogrel?

Em outro estudo que analisou o uso concomitante de clopidogrel (dose padrão) e pantoprazol 80mg, observou-se também a diminuição tanto no nível do metabólito ativo do clopidogrel quanto na inibição da agregação plaquetária, porém, com índices menores que os observados com o omeprazol.

Quais são os riscos do clopidogrel?

Efeitos Secundários Mais Frequentes: Os efeitos colaterais mais comuns que podem ocorrer com o clopidogrel incluem: Se você tem pele com coceira, pode desaparecer dentro de alguns dias ou algumas semanas. Se for mais grave ou não vá embora, fale com o seu médico ou farmacêutico.

Quais são as interacções do clopidogrel?

- Clopidogrel Interacções: Antagonistas da glicoproteína IIb/IIIa: Clopidogrel deverá ser usado com precaução nos doentes que possam estar em risco aumentado de hemorragia devido a traumatismo, cirurgia ou outras condições patológicas com administração concomitante de terapêutica com antagonistas da glicoproteína IIb/IIIa.

Quais são as reações adversas do bissulfato de clopidogrel?

Outras reações adversas menos frequentemente relatadas foram hematoma, hematúria e hemorragia ocular (principalmente conjuntival). A incidência de hemorragia intracraniana foi de 0,4% com Bissulfato de Clopidogrel comparada a 0,5% com o AAS.

Qual o efeito do clopidogrel na contagem plaquetária?

- Clopidogrel Interacções: A administração concomitante de cilostazol e clopidogrel não teve qualquer efeito na contagem plaquetária, no tempo de protrombina (TP) ou no tempo de tromboplastina parcial activada (TTPa).

Postagens relacionadas: